fbpx

Junte-se agora e acesse (antes de todos) as principais notícias de tecnologia e startups. clique aqui

Melhores podcasts do Brasil

Quais são os melhores podcasts do Brasil? Elaboramos uma lista de podcasts brasileiros que consideramos importantes e de conteúdo legal.

Por Rodrigo Dantas, em 27 de junho de 2019

0Shares

Bom, para nomear os melhores podcasts do Brasil, tive que fazer uma lista (boa) entre os podcasts que escuto e que identifiquei nas conversas com amigos nesses dois anos produzindo um podcast de negócios e tecnologia. Alguns desses, eu conheci há pouco tempo e já adoro. Além de grandes ferramentas de marketing, podcasts são importantes para educação. Startups em si, têm uma grande conexão com podcasts.

Jabá: Like a Boss e Dentro do Ringue

Um disclaimer aqui é que o meu podcast, o Like a Boss, também pode ser considerado um dos melhores, já que recentemente, atingiu 60.000 usuários ouvindo um único episódio. Marco bom para quem produz podcasts. Estreamos o Like a Boss em 2017 e a principal teoria era trazer um papo reto com alguns dos empreendedores que eu e o Paulo (Alura), admirávamos. Deu certo até aqui.

Like a Boss da Vindi e Alura.

Estamos na produção da 5ª temporada e já temos a certeza de não somente pela audiência e público, mas pelos feedbacks que recebemos, que estamos construindo o melhor podcast de negócios e tecnologia do Brasil.

Dentro do Ringue

O Dentro do Ringue é outro podcast produzido pela Vindi. Nele a gente traz a cultura startup para “dentro do ringue”.  Convidados especiais se dividem entre assuntos como vendas, transformação digital, marketing, tecnologia e todo tema inserido na cultura startup. 

dentro do ringue

Estamos na primeira temporada e temos bastante coisa pela frente. Acesse: podcast.vindi.com.br.

Esse artigo também poderia ter o título de “melhores podcasts do Brasil’, segundo o Rodrigo. É uma opinião pessoal.

O que são podcasts?

Alguns chamam de rádio na internet ou simplesmente audio blogging. Gosto de definir podcast como um canal de áudio que pode ser ilustrado no formato de entrevista, pensamentos e histórias contadas. Podcasts de humor, de jornalismo, de economia e de cultura geek dominam “as paradas” brasileiras e condensam uma discussão entre pessoas com um determinado tema. Outros, usam e abusam de pensamentos distribuídos pelo próprio produtor.

Todo podcast têm como premissa, passar uma mensagem. 

podcasts brasileiros
Foto: Eric IsselŽe/Life on White

Os melhores podcasts do Brasil

Difícil escolha, elencar os melhores podcasts do Brasil. Por isso, não levem em consideração se essa lista tiver um viés pessoal, já que tenho preferências de temas e assuntos que são tratados em cada programa. Mas…vamos lá:

Boa noite internet

O Cris Dias está literalmente mudando a forma de produzir conteúdo com esse podcast. Chego a ficar ansioso todo domingo para ouvir o Boa Noite Internet. Além de figurar entre os melhores podcasts do Brasil – é meu preferido do momento. Curto e direto, o podcast traz todo domingo, uma história do mundo diferente. E contada de um jeito ainda mais especial. Comece pelo episódio número 1, Os aviões de bambu”.

Nerdcast (Jovem Nerd)

Líder de audiência, o NerdCast é o preferido dos nerds que formam uma comunidade grande em volta da cultura pop & geek. Filmes, seriados e games são cobertos e discutidos com muito bom humor e informação nesse podcast comandado pelo Jovem Nerd e cia. Ouçam o episódio que homenageia o filme Rocket Space, do Elton John

Hipsters.Tech

Aprendi muito com o “Hipsters”, especialmente em um assunto que envolve minha principal atribuição: liderando uma empresa de tecnologia. Design de produtos, linguagens de desenvolvimento e melhores práticas em tecnologia são alguns dos temas discutidos por quem entende. Tenho vários hipsters.tech preferidos.

Mamilos

Um dos podcasts com formatos longos (mais de 60 minutos), o Mamilos tem um papel fundamental o mundo dos podcasts. Comandado pelas excelentes Juliana Wallauer e Cris Bartis, o podcast traz discussões importantes (e delicadas) sobre política, comportamento e problemas de uma forma muito legal. Gosto muito e tem uma audiência bem alto nível.

Braincast

Devo ter ouvido mais de 100 horas do Braincast. Um dos pioneiros no país, esse podcast, também produzido pela turma do B9, é bem legal. Gosto da forma como conduzem discussões atuais, incluindo política, que não é um tema simples para um podcast. Outros dois podcasts saíram de lá: o Gugacast e o Boa Noite Internet.

Café Brasil

O Luciano Pires é um excelente contador de histórias. Escritor, ele debruça em podcasts com personalidades, políticos, empreendedores e incluí temas como discos clássicos com um domínio que lhe faz fama. Além da voz do Luciano, que obviamente te transporta para um ambiente de rádio dos anos 80, o Café Brasil é ouro. Delicioso. Além do Café Brasil, o Luciano também conduz o Líder Cast. Ouça o episódio de Bohemian Rapsody.

Playbook

O Playbook é um dos meus preferidos. O pessoal da Astella, fundo de investimento de São Paulo, acertou no modelo trazendo empreendedores investidores e gente que mudou a rota da internet brasileira. Meu episódio preferido? O que a gente participou, ouça aqui.

Carreira sem fronteiras

Esse excelente podcast, é dos meus parceiros da Alura/Caelum, é simplesmente indispensável para quem quer dar uma guinada na carreira lá fora. Toda semana, brasileiros trabalhando fora do país contam os desafios de cultura, clima, legalização e trabalho longe de casa. Uma enciclopédia.

Sonoro

O Sonoro é um podcast comandado pela Fernanda Moraes e Ana Maria Morais (que não são primas, rs) que traz diversos temas como diversidade, criatividade, trabalho entre outros temas. As duas são dubladoras e iniciaram esse podcast corporativo

Cast for Closers

Podcast recomendado para vendedores de todos tipos de empresas. A alta qualidade dos assuntos e dos convidados, fazem desse podcast, um excepcional conteúdo para quem é da área de vendas. Indispensável, na verdade. Já virou um belo documento para marketing e vendas.

EmpreendaCast

O programa do Gustavo Passi é um dos podcasts ótimos que passei a acompanhar. Sempre com boas histórias de executivos, empreendedores e produtores culturais, é um dos que vale atenção. Eu participei de um episódio do EmpreendaCast, ouve aqui.

Stock Pickers

O podcast produzido pela InfoMoney é um dos melhores do Brasil. Apresentado pelo Thiago Salomão, gestores de fundo, investidores institucionais e personalidades do mercado financeiro discutem sobre ações, investimentos e sobre empresas.

Café da Manhã (Folha & Spotify)

Quase diário, esse podcast corajoso da Folha em parceria com o Spotify, cobre notícias do dia anterior e acontecimentos do país com maestria. São jornalistas da rádio entrando de cabeça no mundo do podcast. É um excelente conteúdo matinal. De 15 a 20 minutos, é um dos meus preferidos.

Uma citação de honra: o Projeto Humanos, do Ivan Mizanzuk, é um clássico. Ilustrado como “um podcast sobre histórias reais sobre pessoas reais” já é considerado por muitos, como o jornalismo muito acima da média. Outros podcasts que comecei a acompanhar recentemente: Jacaré BANcast (máquina de memes) e o Primo Cast, do Thiago Nigro. 

Plataformas

Os melhores podcasts do Brasil estão em diferentes plataformas. Para essa análise ser mais completa, também levei em consideração a amplitude dos podcasts. As pessoas ouvem de formas diferentes: no trabalho, na academia, no trânsito e no trabalho, por isso, ter uma amplitude de plataformas é importante. Atualmente diferentes ferramentas possibilitam a distribuição de podcasts em todos tipos de devices.

Itunes, Spotify, Google Podcasts, Deezer, SoundCloud e diversos agregadores facilitam as audições. Eu gosto bastante de usar o Spotify  e Itunes para ouvir.

Mas o que faz destes podcasts, os melhores do Brasil, na minha opinião?

Alguns principais fatores que fizeram parte da minha análise: produção, assunto (temas) e condução (dinâmica). São elementos que prendem a atenção e que ouço com vontade.  

Produção

Edição de som e captação das entrevistas foram cruciais para minha análise. O Playbook da Astella é feito dentro do estádio do Morumbi, num estúdio muito moderno, na Audio Arena. Isso conta muito. Editores como o pessoal da Radiofobia, que a gente usa para o Like a Boss e o Caio Corraini da Maremoto, que edita o Boa Noite Internet (meu podcast preferido do momento) contam demais para manter a qualidade da captação. Não negligencie bons equipamentos também.

playbook like a boss
Um mashup: o dia em que o Like a Boss e o Playbook se encontraram. Paulo Silveira e (esq) eu (dir). Foto: Daniel Chalfon

Temas

É óbvio que ter uma boa pauta combinada a bons convidados são os principais elementos para entrar no ranking dos melhores podcasts. Bons convidados são por si só, um bom investimento para um podcast. Mas a escolha do tema sempre direciona quais tipos de convidados devem ser incluídos num episódio e como ele deve ser conduzido.

Condução

Assim como uma boa entrevista, bons hosts são essenciais num podcast. Além de provocar boas discussões, a condução de perguntas, pautas e até garantir uma boa fluência nos assuntos, fazem do entrevistador, o principal ponto para um podcast de impacto. Bom convidado com um mau host não costuma combinar e vice versa. O Cris Dias (Boa noite internet) e o Luciano Pires (Líder Cast) são exímios condutores e contadores de histórias.

Podcasts no Brasil

Ainda estamos caminhando em termos de produção, em comparação ao mercado americano, por exemplo, mas estamos avançando. Temos grandes produtores de conteúdo (vide exemplos no Youtube) e isso vem chegando aos poucos no mercado brasileiro de podcasts. Os pioneiros, foram os criativos (galera de agências) – que abriram caminhos para o jornalismo, pessoas de finanças, humoristas, profissionais de tecnologia e isso vem expandindo razoavelmente. 

O ano do podcast no Brasil?

No mercado americano, podcasts como o Tim Ferris Show e o The Daily (New York Times) atingem milhões de ouvintes facilmente com cada episódio. Por que combinam bem o tema e produção, mas também porque o mercado é mais maduro nesse assunto por lá. Para ter uma ideia da maturidade do mercado americano, em fevereiro, o Spotify pagou um valor estimado em US$ 230 milhões pela Gimlet Media, empresa especializada em produção de podcasts. 

Há um grande espaço para que a publicidade use essa mídia de forma massiva aqui no Brasil, porém ainda não aconteceu. Grandes bancos brasileiros ainda engatinham nos primeiros passos desse formato e grandes redes de televisão, sequer olham de forma estratégica. O que faz do podcast por aqui, ser uma oportunidade imensa para quem chegar primeiro e construir audiência. 

Associação Brasileira de Podcasters (ABPod)em parceria com a rádio CBN, elaborou uma pesquisa com mais de 20 mil pessoas. Alguns dados da pesquisa já começaram a ser mapeados por aqui e os números ajudam a traçar uma tendência:

  • Em 2018 79% dos ouvintes de podcast no Brasil ouviram episódios durante trajetos de locomoção;
  • 68% durante a realização de tarefas domésticas. Entre eles, a média ponderada de consumo diária chega a 2h52min. 

Não é à toa que eu comecei a olhar essa mídia como um novo modo de comunicação e aprendizado. Os próprios diretores do Spotify estimam que em breve 20% da audiência da plataforma será de conteúdo não musical. É assim comigo, 50% do meu tempo nesse app é gasto com podcasts.

E você? Ouve podcasts? Se sim, recomenda aí.

Links para entender melhor o universo de podcasts.

Fundador e CEO da Vindi, plataforma líder em recorrência e criador do maior evento de empresas SaaS e Assinaturas do país, o “Recorrência”. É também, o co-host do podcast Like a Boss.