fbpx
 
Compartilhe

A nstech segue o seu plano de se firmar como o mais completo ecosssistema conectado de tecnologia para logística no mercado. Depois de um ano de diversos investimentos, a empresa anunciou a integração de uma nova companhia, a RoutEasy, que oferece soluções 360º de logística para grandes marcas como DHL, Rodonaves, Shopee e Magalu.

Segundo destacou a nstech, a entrada da RoutEasy no ecossistema da startup, apesar de não ser uma aquisição, representa mais um passo para o fortalecimento da plataforma. Conforme explicou o CEO da RoutEasy, Caio Reina, com exclusividade para o Startups, a sinergia das empresas preservará a autonomia de cada uma, com os produtos da RouteEasy sendo oferecidos aos clientes pela plataforma da própria companhia e também via plataforma nstech.

“Acreditamos que, com essa parceria, ganharemos ainda mais força para continuar antecipando tendências e potencializando nossos projetos de alta performance”, comenta o CEO. “O grande objetivo do ecossistema é fomentar e aumentar a oferta de tecnologia, por isso, as soluções da RoutEasy também serão disponibilizadas via plataforma para toda a base de clientes nstech“, completa Caio.

Com a entrada no ecossistema da nstech, que conta com mais de 60 mil clientes, a logtech quer ampliar o ritmo de crescimento nas suas ofertas de soluções de otimização, gestão e orquestração de logística.

“No último ano, a RoutEasy teve um crescimento de 216% em seu faturamento se comparado a 2020. A expectativa de crescimento para 2023 é de 100% de projeção”, afirma o executivo. Em agosto de 2021, a empresa recebeu um aporte liderado pelo Grupo Ultra (UVC) no valor de R$5,8 milhões.

Ecossistema em expansão

A RoutEasy se soma ao ecossistema de mais de 20 empresas que já se integraram à plataforma da nstech, que está investindo pesado para se tornar o “one stop shop” para grandes empresas que desejam otimizar suas operações logísticas.

Fundada por Vasco Carvalho Oliveira Neto, um veterano do ramo que vendeu a sua operadora AGV para a mexicana Femsa, a nstech já recebeu mais de R$ 1,4 bilhão em investimentos do próprio CEO para reforçar seu portfólio. Por intermédio de suas soluções, a empresa monitorou R$ 1,3 trilhão em valor de cargas.

Segundo o CEO da nstech, 2021 foi um ano em que a companhia duplicou de tamanho, e para 2023 o objetivo é tornar a plataforma ainda mais completa, oferecendo soluções via softwares para toda a cadeia, assim como deve reforçar sua presença internacional.

“Atualmente já estamos presentes em 10 países e 3 continentes e 3% do nosso faturamento vem de operações internacionais, número que deve crescer nos próximos anos”, finaliza Vasco.

LEIA MAIS