fbpx
Compartilhe

O Nubank anunciou o início de sua operação na Colômbia – terra natal de seu fundador, David Vélez. Assim como aconteceu no lançamento da companhia em 2013 e na chegada ao México ano passado, o primeiro produto a ser oferecido na Colômbia será o cartão de crédito roxo que virou símbolo da companhia.

O desembarque no país segue o modelo do México, com a abertura de uma lista de espera e captação de sugestões e interação com interessados, e envio dos cartões alguns meses depois. No caso do México, a diferença foi de cinco meses.

No meio do ano passado o Nubank abriu uma operação na Argentina, mas ainda não começou a oferecer por lá.

“Todos os latino-americanos merecemos uma experiência financeira mais simples, mais transparentes e mais humana”, disse Vélez, em comunicado.

Na Colômbia, entre 70% e 85% das transações são realizadas em dinheiro; mais de seis milhões de adultos não têm qualquer produto financeiro e, assim como no Brasil, cinco grupos financeiros poucos bancos concentram 80% do mercado, segundo o Nubank.

A companhia também pretende abrir um centro de engenharia, de design e de dados em Bogotá. A expectativa é investir mais de US$ 150 milhões no país nos próximos oito anos.

A operação será comandada por Catalina Bretón, que era responsável pela Wingo, companhia aérea de baixo custo criada pela Copa Airlines em 2016.

OPINIÃO

Veja todas as opiniões