fbpx
Compartilhe

Uma da startups mais legais do Vale do Silício é sem dúvidas o Twilio. Visitei eles anos atrás em São Francisco e ficava pensando “‘quando viriam para o Brasil”… Chegou o momento e achei a entrada deles no Brasil, a mais emblemática possível.

Twilio adquire a startup brasileira Teravoz

Num cenário de poucos bons acordos no mercado brasileiro (se tratando de exits de startups) a aquisição da Teravoz por uma empresa americana de impacto, faz os olhos dos empreendedores locais brilharem.

O Dov Bigio, co-fundador e CEO da Teravoz é um conhecido meu, de alguma data. Conheci ele ainda na Locaweb numa parceria que a Vindi tinha iniciado com eles. Depois disso, o Dov passou pela startup Descomplica e decidiu empreender se juntando à Teravoz, para atender empresas de tecnologia com desafios de telefonia, especialmente aquelas com processo forte de transformação digital. Os co-fundadores Thiago Bruni e o Thiago Fernandes começaram a Teravoz em 2014, já atendendo clientes como Nubank, Rock Content, Vindi entre outras startups, e em 2016 chamaram o Evandro Saroka e o Dov para se juntarem a eles, fechando o time de fundadores.

A Teravoz recebeu investimento da Wayra, do fundo Canary e recebeu apoio de investidores anjos como Bruno Ghisi (Resultados Digitais), Paulo Silveira (Alura) e Diego Gomes (Rock Content). Com um modelo de vendas SaaS bem afiado, a Teravoz estava fazendo aquilo que as empresas telefônicas deveria fazer no mercado brasileiro.

Os fundadores terão a oportunidade, nesse exit, de representar uma empresa global com capital na Nyse desde 2016.

twilio teravoz
Ações do Twilio na Nyse. Fonte: Google.

O Twilio abriu capital em 2016 e levantou em seu IPO, cerca de U$150 milhões. Desde então, as ações da empresa saíram de U$26,30 para U$120, mostrando que existem bons cases techs por lá. Essa é a 6ª aquisição da Twilio que já adquiriu empresas como a Sendgrid, por exemplo.

Num cenário onde a mídia “clama” pelo surgimento dos unicórnios, o feito da Teravoz é uma faísca grande para que mais startups sejam alvos de grandes players por aqui, afinal, qualidade não falta nos empreendedores brasileiros.

Parabéns aos fundadores!

OPINIÃO

Veja todas as opiniões