fbpx
Compartilhe

A Porto Seguro anunciou que comprou, por meio de seu Fundo de Investimento em Participações Porto Ventures (FIP Porto Ventures), 10% de participação na Plugify, startup que oferece aluguel de equipamentos eletrônicos e gestão integrada de TI para empresas. O negócio dá direito a uma cadeira à seguradora no conselho da Plugify, que também recebeu aporte (de valor não revelado) da Jera Capital.

O objetivo é atender o mercado corporativo, em especial pequenas e médias empresas, ampliando as oportunidades da companhia na oferta de seguros para equipamentos locados junto aos clientes e serviços de conveniência, como help desk. 

“Faz parte da estratégia de negócios da Plugify ampliar a oferta de serviços por meio de importantes parcerias como a firmada com a Porto Seguros. Com essa aliança estratégica o nosso objetivo é levar o melhor serviço aos clientes, bem como, ampliar a nossa participação de mercado”, comenta Alexandre Gotthilf, cofundador e presidente da Plugify, em comunicado.

Aluguel de hardware

Fundada em 2017, a Plugify oferece notebooks, desktops e celulares por meio de assinatura de 24 e 36 meses, juntamente com uma plataforma de monitoramento e gestão de hardware e software.

Em maio do ano passado, a startup emitiu R$ 32,6 milhões em debêntures para financiar a sua expansão e comprar mais 10.000 equipamentos. Em 2020, a companhia já havia captado R$ 10 milhões. Antes de recorrer às debêntures, a Plugify usava linhas de crédito de grandes bancos, antecipação de recebíveis e parcelamento de compras para girar a operação.

OPINIÃO

Veja todas as opiniões